Perfume para a academia: vale a pena passar?

Você provavelmente já passou pela situação desagradável de entrar na academia e ficar com dor de cabeça por causa do cheiro doce de algum perfume, certo?

Quantas vezes você já mergulhou em uma nuvem de odores fortes que te fez considerar dar meia volta e desistir de malhar?

Ou pior: quantas vezes você já não foi o cara que usou um perfume forte para ir para a academia?

Hoje vamos sanar as suas dúvidas sobre o tema. Será que é possível usar perfume para a academia? E, se a resposta for sim, qual é o tipo perfeito de perfume para usar para malhar?

Desodorante sempre

Perfume para a academia: vale a pena passar?

Quando seu corpo começa a aquecer, seja por exercício, estresse ou temperatura externa, seu cérebro reage liberando o suor de mais de 2,5 milhões de glândulas écrinas espalhadas por quase todo o seu corpo, derramando líquido por poros para abaixar temperatura corporal.

O odor corporal geralmente se torna evidente se medidas não forem tomadas quando um humano atinge a puberdade. As pessoas que são obesas, aquelas que comem regularmente alimentos condimentados, assim como indivíduos com certas condições médicas, como diabetes, são mais suscetíveis a ter odor corporal.

Pessoas que suam demais, como aquelas com hiperidrose, também podem ser suscetíveis ao odor corporal. No entanto, muitas vezes o nível de sal do seu suor é muito alto para as bactérias se decomporem. Depende de onde está ocorrendo o excesso de suor e que tipo de glândulas sudoríparas está envolvido.

O suor em si é praticamente inodoro para os seres humanos. É a rápida multiplicação de bactérias na presença de suor e sua quebra do suor em ácidos que eventualmente causam o cheiro desagradável.

Por isso, na academia o seu suor pode acabar emitindo ainda mais odores ruins. E, por isso, você precisa usar desodorante!

Porém, usar perfumes na academia pode ter o efeito contrário: se o perfume masculino não for muito bem escolhido, o aroma dele pode se misturar com o cheiro do suor e criar uma atmosfera insustentável.

Vai usar perfume? Escolha direito e com cuidado

Perfume para a academia: vale a pena passar?

Como já falamos, o cheiro do suor é item presente em toda academia. Por isso, você precisa usar perfumes leves – se realmente quiser usar – que não marquem ainda mais o cheiro de suor, e nem briguem com o desodorante.

Se você quiser usar perfume na academia, escolha um desodorante sem cheiro! Depois, opte pelos perfumes corretos. Quais são eles? Preparamos uma lista, se liga:

3 bons perfumes para a academia

A gente realmente não recomenda o uso de perfumes na academia, mas, se mesmo assim você quiser usar, nós separamos uma lista com algumas dicas de perfumes que são aceitáveis na hora de malhar – porque suas fragrâncias são leves e não são enjoativas.

Blue Seduction

Perfume para a academia: vale a pena passar?

Esse Eau de Toilette da marca Antonio Banderas tem uma pegada de frescor com notas de topo à base de bergamota, cassis, hortelã e melão. O coração ressalta o cappuccino, noz-moscada, maçã-verde, água do mar e cardamomo. O fundo, que é o aroma que fica depois de várias horas, tem base de âmbar e notas amadeiradas.

Azzaro Chrome

Perfume para a academia: vale a pena passar?

Não confunda com o Azzaro Pour Homme! O Azzaro Chrome tem uma embalagem que também remete ao frescor e à água, e foi realmente inspirado no mar. Segundo a marca, o azul e os reflexos prateados do Mediterrâneo resultaram na criação da fragrância, em 1996.

Ele tem notas de topo à base de abacaxi, néroli, bergamota, limão e alecrim. O coração possui notas de jasmim, coentro e cyclamen (uma planta da região do Mediterrâneo). Já o fundo é marcado por almíscar, cedro, sândalo, musgo de carvalho, cardamomo, fava tonka e pau-brasil.

Kenzo Homme Sport

Perfume para a academia: vale a pena passar?

A pegada e a proposta deste perfume é justamente agradar os atletas. Se você prefere fragrâncias mais amadeiradas, o Kenzo Homme Sport é uma delas. Lançado em 2012, ele apresenta uma mistura de notas que o transforma em um perfume extremamente refrescante.

Com notas de topo à base de toranja, limão verdadeiro e hortelã. Notas de coração com essências de gerânio, flor de gengibre e especiarias. As de fundo são de vetiver e cedro.

Responder